Período para a prática de exercícios espirituais

A Quaresma é o período de 40 dias no qual os cristãos realizam a preparação para a Páscoa, a mais importante festa do calendário litúrgico e que celebra a Ressurreição de Jesus.

A expressão Quaresma é originária do latim quadragesima dies, cujo significado é "quadragésimo dia".

No período da Quaresma, que começa na Quarta-feira de Cinzas e termina na Páscoa, os fiéis são convidados a fazerem um confronto especial entre suas vidas e a mensagem cristã expressa nos Evangelhos.




Considerado um tempo de renascimento espiritual e de renovação na fé, a Quaresma é também particularmente apropriada aos exercícios espirituais, às liturgias penitenciais, às peregrinações em sinal de penitência, às privações voluntárias como o jejum e à esmola e à partilha fraterna, como obras de caridade e missionárias.

Atualmente, os cristãos mais devotos costumam fazer jejuns, promessas e deixar de comer carne durante a Quaresma.

Mas no passado, esse período tinha também outros significados. Muitas lendas e crendices estavam associadas à Quaresma e por muito tempo povoaram o imaginário popular, sendo contadas de geração em geração.





A Mula-sem-cabeça e o Lobisomem, que dominariam as madrugadas nos 40 dias da Quaresma, são alguns dos personagens folclóricos que assustaram muitas crianças e adultos no período de preparação até a Páscoa.

Dizem as tradições folclóricas, reduzidas com o passar dos anos, que durante a Quaresma ambos vagariam livres e perigosamente pelas ruas!




Ainda assim, para muitas pessoas, principalmente aquelas mais velhas, a Quaresma ainda é um período de recolhimento, oração, e de dormir cedo, principalmente na sexta-feira, pois, acredita-se que é justamente nesse dia que a Mula-sem-cabeça e o Lobisomem estarão soltos pelo mundo...

Na dúvida, é melhor não abusar!